Naming: O que é e qual a sua Importância

Tempo de leitura: 2 minutos

Saber o que é naming e qual a sua importância é essencial, pois, sabemos que a construção de uma identidade positiva é uma chave importante para profissionais, como também para marcas corporativas.

Com o mercado altamente exigente e diversificado, construir uma identidade forte, que resista as constantes mudanças no mercado, virou um desafio constante.

Pensando nisso decidir escrever esse conteúdo, e nele irei apresentar esse conceito primordial para a construção de marcas de valores.

O que é Naming?

Esse questionamento sobre o que é naming é comum, mais simplificando esse conceito é uma área do branding, que tem um papel fundamental e importante para nomear marcas, produtos e serviços, sua característica principal é criar posicionamento e proporcionar valores para as marcas criadas.

Qual a Importância do Naming?

O princípio básico e fundamental para as empresas são a escolha do nome, pois, a partir do momento que é feito a escolha do nome da empresa, começa ser construído a sua identidade perante o mercado.

Por causa disso é fundamental que antes de escolher o nome da sua empresa, você não esqueça, de utilizar o processo de naming, pois, quando a escolha ela é feita com base em analise e estudo de posicionamento, você começa a criar força no mercado.

Hoje em dia muitas empresas quebram, pois, não conseguem se posicionar perante o mercado, por que muitas pessoas não conhecem qual a importância do naming e acham esse processo irrelevante para ser aplicado, por conta disso criam marcas esquecidas e sem credibilidade.

Portanto, não esqueça, de utilizar e se aprimorar nesse conceito que tem alguns processos importantes para ser percorridas, etapas essas que permitira enormes possibilidades de obtenção de bons resultados, essas etapas são:

1 – Pesquisa: A pesquisa é o processo inicial do naming, nesse processo é realizado, uma análise, sobre qual será o posicionamento da marca, qual sua segmentação, a quantidade e o alcance do público, o foco de atuação,  esses e outros levantamentos são feito para entender as principais características da marca.

2 – Estratégia:  O segundo processo do naming é a estratégia, nesse processo é delimitado as funções de comunicação do nome a hierarquias, além, disso são feitos os seus processos e funcionalidades a partir da criação do nome.

3 – Criação: A criação é o terceiro processo que é fundamentado pela construção de alternativas que são feitas e escolhidas para ajudar no processo da empresa, esse processo do naming é analisado e filtrado pelas etapas seguintes, a fim, de trazer o melhor resultado para a empresa.

4 – Avaliação:  A avaliação é o quarto processo do naming, esse processo é feito para analisar o desempenho da marca perante o mercado, essa etapa é importante, pois, a empresa começara a obter suas primeiras respostas do processo criado.

5 – Validação:  O quinto processo e o ultimo é a validação, esse processo é muito importante, pois, as empresas já terão as respostas necessárias perante o público-alvo, e é chegado a hora de definitivamente colocar a marca no mercado, nessa ultima etapa é avaliado os direitos autorais, etc. Para que assim possa ter uma marca livre de qualquer problemas judiciais.

Conclusão

Uma empresa criada com possibilidade de sucesso terá como principio básico analisar e utilizar ferramentas e conceitos significativos, por isso á utilização do naming é fundamental, pois, esse processo permite diretrizes eficientes, para a construção de marcas de sucesso.

Se este artigo foi bom para você, deixe um comentário ou compartilhe nas redes sociais.

Joás Alves

Olá, meu nome é Joás Alves, sou bacharel em produção publicitária e empreendedor digital, uma das minhas mais queridas missões, é compartilhar conhecimento para ajudar no seu crescimento pessoal e profissional.

Artigos Relacionados